top of page
Buscar
  • camillabarros

O Tarô e o caminho da individuação: tornando-se quem você é



O Tarô é muito mais do que um oráculo de previsões. Entender a linguagem do Tarô e a sua estrutura é um dos incontáveis caminhos possíveis para entender a verdadeira essência e a organização da vida. Os arquétipos representados pelos 22 arcanos maiores contam uma história de suma importância para a compreensão dos processos naturais que ocorrem no universo, que assim como ocorrem “lá fora” também ocorrem “aqui dentro”. Trata-se da “Jornada do herói”, contada de forma pictórica através de desenhos simbólicos e carregados de conteúdos arquetípicos presentes no inconsciente coletivo. A “Jornada do herói” simboliza o caminho da individuação: caminho no qual descobrimos que nosso ego (personalidade) não nos define, partimos em busca de conhecer a profundidade do nosso verdadeiro EU (self) para então podermos nos tornar os indivíduos únicos que somos, capazes de realizar a partir dos nossos dons e habilidades naturais, exercendo nosso propósito. Ao caminharmos do arcano 0 ao 21 entendemos como somos criados e desenvolvidos, como ganhamos independência para fortalecer nossos egos e como este ego precisa ser quebrado para que possamos nos encontrar com nossa verdadeira essência, recomeçando então um novo ciclo de aprendizado de volta ao arcano 0. A jornada é cíclica e infinita, ela é o que vivemos no mundo externo e no mundo interno todos os dias, portanto compreendê-la é compreender a si mesmo.


Um dia me perguntaram se eu pretendia ensinar à minha filha a arte do Tarô e eu respondi que sim, sem dúvidas. Porém não com o objetivo de induzi-la a seguir meus passos, e sim para ajudá-la a compreender o caminho da sua alma e como trilhá-lo conscientemente, porque isso É o Tarô. Esse foi o maior presente que eu recebi do meu mestre, será um dos maiores presentes que darei a ela um dia, e é o que trago para vocês em cada consulta com o coração transbordante por estar exercendo o meu propósito!


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page